Publicidade
Notícias | País Brasília

Ex-ministros Mandetta e Teich depõem na CPI da Pandemia nesta terça-feira

Ex-ministros da Saúde serão ouvidos no Senado; Pazuello depõe na quarta e, o atual, Marcelo Queiroga, na quinta

Publicado em: 04.05.2021 às 09:48 Última atualização: 04.05.2021 às 10:02

Henrique Mandetta e Nelson Teich, foram os dois primeiros ministros da Saúde do governo de Jair Bolsonaro Foto: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil
A CPI da Covid abre nesta terça-feira (4) a agenda de convocações, com os depoimentos de Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich, os dois primeiros ministros da Saúde do governo de Jair Bolsonaro. Eles serão ouvidos na condição de testemunha, quando há o compromisso de dizer a verdade sob o risco de incorrer no crime de falso testemunho. As informações são do G1.

Primeiro titular da Saúde do governo, Mandetta esteve à frente da pasta entre janeiro de 2019 e abril de 2020. Já Teich, seu sucessor, comandou o Ministério da Saúde por menos de um mês, entre 17 de abril e 15 de maio do ano passado. Ambos deixaram o cargo após divergências com o presidente Jair Bolsonaro relativas às políticas de contenção do coronavírus.

O depoimento de Mandetta está previsto para a manhã de hoje, e o de Teich, para as 14 horas.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.